Dores na Coluna

26/03/2018

sofre-com-dor-na-coluna

Quem já passou ou passa pela experiência de dor na coluna, enfrenta uma rotina cansativa. A dor irrita, limita, atrapalha o sono, causando alterações físicas e emocionais. Neste momento, é importante saber de onde vem esta dor e quais são as suas causas. Como enfrentar esta situação. A dor é causada pela afecção do nervo. O que é afecção? É qualquer acometimento de trauma, torção e movimentos de repetição que podem irritar, comprimir, estressar o nervo que parte da coluna, causando dores na cabeça, nos ombros na coluna e em qualquer outra raiz nervosa. Mas a dor pode vir também da cápsula articular, dos músculos e ligamentos, do disco intervertebral ou de alterações bioquímicas na bainha da meninge.rUma boa forma de aliviar a dor na coluna cervical é fazer alongamentos para o pescoço e aplicar compressas quentes, já que grande parte dos casos de cervicalgia são causados por tensões e contraturas musculares decorrentes de má postura e distúrbios emocionais como estresse, ansiedade e depressão. O calor e os alongamentos relaxam os músculos do pescoço e aliviam a pressão sobre a coluna cervical, ajudando a reduzir e até acabar com a dor.

Quando a cervicalgia tem fundo emocional e não está associada com nenhuma alteração estrutural da coluna, os exercícios físicos podem contribuir muito para o alívio da dor devido à sensação de bem estar que proporcionam, principalmente os exercicios aeróbicos.

Compressa para aliviar dor na coluna cervical

1) Encha uma bolsa térmica com água quente ou molhe uma toalha de rosto com água quente;

2) Coloque a bolsa ou a toalha na parte de trás do pescoço, tentando alcançar também o músculo trapézio, que fica entre os ombros e o pescoço;

3) Deixe a compressa no local por 20 minutos;

4) Repita o procedimento pelo menos duas vezes ao dia.

Exercícios para aliviar dor na coluna cervical                                                                                      

Praticar atividade física regularmente ajuda no alívio da dor cervical porque durante o exercício o corpo libera 2 hormônios que produzem efeitos físicos e mentais muito positivos: endorfina e dopamina.

A endorfina está relacionada à sensação de prazer, bem estar e euforia, além de ser um analgésico natural do corpo, enquanto que a dopamina tem ação tranquilizante e analgésica.

As alterações provocadas no organismo por esses hormônios relaxam e podem manter o equilíbrio psicológico a longo prazo, contribuindo assim para o controle do estresse, da depressão e da ansiedade, que podem estar na origem da cervicalgia.

Como prevenir e aliviar dor na coluna cervical

⇒ Use um travesseiro que deixe o pescoço numa posição neutra, alinhado com a coluna, sem ser alto ou baixo demais;

⇒ A tela do computador deve estar ao nível dos olhos, de maneira que a cabeça e o pescoço estejam retos, olhando para frente;

⇒ Quando estiver ao computador, os braços e os ombros devem estar relaxados, por isso é importante que a cadeira tenha um apoio adequado para os braços.

Causas de dor na coluna cervical

Além de tensões e contraturas musculares, a dor na coluna cervical também pode ser causada por hérnia de disco, bico de papagaiofalta de minerais como o magnésio, o que provoca contraturas musculares, traumatismos, acidentes de trânsito, entre outras.

As características da dor variam conforme a causa. A cervicalgia pode ser constante ou desaparecer por um tempo e depois voltar, ou ainda surgir com determinados movimentos e posturas.

A dor cervical pode ser localizada ou irradiar para o membro superior. A irradiação da dor ocorre frequentemente na hérnia de disco. Nesses casos, pode haver também fraqueza muscular, sensação de formigamento ou dormência no braço ou na mão.

Nesses casos procure uma profissional especializada em coluna.